Aceda à área de sócios
Escolher centro GO fit

Los mejores alimentos para sentirte bien por dentro

Quais são os alimentos que mais afectam o seu estado de espírito?

  • 13
  • MAI

Esqueça estes alimentos, se quiser sentir-se bem.

Açúcar, gordura saturada, baixo teor de vitaminas.

Existem alimentos ricos em açúcares e/ou gorduras saturadas e/ou sal, e pobres em vitaminas e minerais que devem ser evitados, uma vez que para além de criarem dependência do consumo e não aumentarem a saciedade, aumentam o risco de obesidade, doenças cardiovasculares, diabetes e cancro. Mas sabe de que alimentos estamos a falar? Estes alimentos são por exemplo as bolachas, os bolos, as pizas, os sumos, os refrigerantes e as carnes processadas (Por exemplo o fiambre, o bacon, as salsichas, entre outros).

 

Problemas associados ao consumo de alimentos ricos em açúcares:

  • Os alimentos ricos em açúcares como as bolachas, os bolos, as pizas, os sumos e os refrigerantes têm um elevado índice glicêmico, ou seja, o açúcar é rapidamente absorvido para a corrente sanguínea, aumentando rapidamente os níveis de açúcar no sangue, mas rapidamente estes níveis de açúcar no sangue também vão diminuir, o que irá causar sintomas como desconforto, fome, cansaço e desconcentração. Para além disso, este açúcar em excesso será convertido em gordura no organismo, favorecendo o aumento de peso e gordura visceral;
  • O açúcar tem um efeito aditivo, ou seja, cria a nível cerebral uma sensação de dependência e necessidade de mais açúcar para obtenção de uma sensação de satisfação e bem-estar. Isto acontece porque o consumo de açúcar estimula a produção de dopamina, que é um neurotransmissor responsável pela sensação de prazer que muitas vezes se segue à ingestão de produtos alimentares doces;
  • Para além disso, os alimentos ricos em açúcares geralmente são também ricos em gorduras saturadas e sal (à exceção por exemplo das bebidas açucaradas), o que contribui para o aumento do risco de doenças cardiovasculares.

 

Problemas associados ao consumo de carnes processadas:

  • ·As carnes processadas são ricas em gorduras saturadas e sal, e contêm ainda aditivos como os nitritos que quando consumidos em excesso podem ser nocivos para a saúde. Segundo a Organização Mundial de Saúde, o consumo de fiambre, salsichas, bacon e outros tipos de carne processada aumenta o risco de cancro do intestino. Por exemplo, o consumo diário de apenas 50g de carne processada, o que equivale a menos de 2 fatias de bacon, aumenta a probabilidade de desenvolver cancro do intestino em 18%.

 

Estratégias para reduzir a ingestão destes alimentos:

  1. Limite o consumo destes alimentos a períodos festivos como o Natal, a Páscoa e/ou o seu aniversário. A ingestão destes alimentos deve ser uma exceção e não deve fazer parte da alimentação habitual;
  2. Prefira confecionar em casa as suas próprias bolachas, bolos ou pizas saudáveis, eliminando o açúcar, as farinhas refinadas e a margarina das receitas e substituindo por exemplo por fruta, canela, aveia e azeite;
  3. Por último, não se esqueça de confirmar sempre a lista de ingredientes dos produtos: Os ingredientes são apresentados por ordem decrescente da quantidade, isto é, da maior quantidade para a menor quantidade. Ou seja, o ingrediente que aparece primeiro é o ingrediente que se encontra em maior quantidade no produto. Para além disso, na lista de ingredientes, os açúcares podem surgir com vários nomes, como sacarose, dextrose, maltose, glucose, frutose e mel. É importante confirmar se nos primeiros lugares da lista de ingredientes não aparece açúcar, gordura ou sal, porque nesse caso o produto não será uma opção saudável, por ter grandes quantidades desse tipo de ingredientes.
Publicado por:
  • Nutrição
  • Saúde
Relacionadas

Error

COOKIES

Utilizamos cookies próprios e de terceiros para analisar nossos serviços e mostrar publicidade relacionada a suas preferências com base em um perfil baseado em seus hábitos navegação (por exemplo, páginas visitadas). Mais informação

ACEITAR COOKIES REJEITAR COOKIES