13 Dezembro, 2021

A importância de cultivar a sua gratidão

Aprenda a estar grato

A importância de cultivar a gratidão.

A gratidão é uma emoção semelhante à apreciação, e a investigação em psicologia positiva encontrou razões neurológicas pelas quais podemos beneficiar desta prática que consiste em expressar agradecimento pelas nossas vidas, mesmo em tempos de desafios e mudanças.

O que é a gratidão?

Muitos de nós expressamos a nossa gratidão dizendo “obrigado” a alguém que nos ajudou ou deu um presente. No entanto, de uma perspetiva científica, a gratidão não é só uma ação: também é uma emoção positiva que tem um propósito biológico.

A psicologia positiva define a gratidão de uma maneira que os cientistas conseguem medir os seus efeitos e, portanto, argumentar que a gratidão é mais do que sentir-se agradecido: é uma apreciação mais profunda por alguém (ou algo) que produz uma positividade mais duradoura.

Duas etapas da gratidão

Segundo o Dr. Robert Emmons, o sentimento de gratidão envolve duas etapas:

  • Primeiro, vem o reconhecimento da bondade na vida. É um estado de gratidão, no qual dizemos “sim” à vida. Afirmamos que, definitivamente, a vida é boa, tem elementos que fazem com que valha a pena vivê-la.
  • Em segundo lugar, a gratidão é reconhecer que algumas das fontes desta bondade estão fora do “eu”. Podemos estar agradecidos a outras pessoa, à natureza e ao mundo. Nesta etapa, reconhecemos a bondade na nossa vida e a quem agradecer, ou seja, quem fez sacrifícios para que nos pudéssemos sentir bem?

Propósito da gratidão

As pessoas podem usar a gratidão para formar novas relações sociais ou fortalecer as atuais.

Os atos de gratidão podem ser utilizados para se desculpar, corrigir e ajudar a resolver outros problemas.

Em alternativa, as pessoas podem sentir-se amáveis porque pode ser um processo intrinsecamente gratificante. O simples facto de estar agradecido por estar vivo é uma excelente maneira de se motivar para aproveitar o dia.

A ideia de que o amanhã não é garantido é um forte motivador para que algumas pessoas sejam o seu “melhor eu” hoje.

Perspetivas psicológicas modernas sobre a gratidão

A psicologia positiva aumentou a investigação sobre a importância da gratidão, em grande parte dirigida pelo investigador Robert Emmons.

Emmons é autor de vários artigos sobre a psicologia da gratidão, que mostram que ser mais agradecido pode levar a níveis de bem-estar mais elevados.

Estas são várias descobertas psicológicas recentes relacionadas com o estudo da gratidão:

  • Maior bem-estar

As pessoas agradecidas são mais agradáveis, mais abertas e menos neuróticas. Além disso, a gratidão relaciona-se inversamente com a depressão e positivamente com a satisfação com a vida.

  • Relações mais profundas

As pessoas que expressam a sua gratidão entre si tendem a estar mais dispostas a perdoar os outros e são menos narcisistas.

  • Otimismo melhorado

As pessoas que cultivam a gratidão todos os dias demonstram mais otimismo em muitas áreas das suas vidas, incluindo a saúde e o exercício.

  • Maior felicidade

Na busca da felicidade e da satisfação com a vida, a gratidão oferece um efeito duradouro numa espécie de ciclo de retroalimentação positiva.

  • Maior autocontrolo

Estar agradecido aumenta significativamente o autocontrolo. Proporciona-nos a determinação de que necessitamos para tomar decisões produtivas nas nossas vidas a nível emocional e físico a longo prazo.

  • Melhor saúde física e mental

A relação entre a mente e o corpo alinha-se com a forma como a gratidão pode ter um duplo benefício. Por exemplo, o sentimento de apreço ajuda-nos a ter mentes mais saudáveis e, com isso, corpos mais saudáveis.

  • Uma vida melhor em geral

A investigação em psicologia demonstra como praticar a gratidão reduz os níveis de stress, diminui os níveis de depressão e ansiedade, e aumenta a energia e as relações sociais.

  • Níveis mais altos de autoestima

Sentir e expressar gratidão pelos próprios objetivos alcançados permite-nos sentir uma maior satisfação e a ter níveis mais altos de autoestima.

  • Moral mais forte baseada em neurologia

Um estudo com imagens de ressonância magnética funcional descobriu que a gratidão aumenta a atividade em áreas do cérebro que se ocupam da moral, da recompensa e do julgamento.

Tags

Artigos relacionados

27 Julho, 2022 Descanso

7 min

O burnout

O que é o burnout? Nos últimos anos, temos ouvido falar de burnout ou síndrome de esgotamento profissional. Esta síndrome...

Ler mais

21 Julho, 2022 Descanso

6 min

O descanso ativo

O que é o descanso ativo? Realizar um exercício de intensidade inferior à do treino habitual é o segredo para...

Ler mais