21 Julho, 2022

O descanso ativo

O que é o descanso ativo?

Realizar um exercício de intensidade inferior à do treino habitual é o segredo para o descanso ativo. Isto, se for bem planeado, pode permitir-nos recuperar muito melhor  do que o passivo habitual, embora isto não signifique que este último não deva ser realizado, o ideal seria combinar ambos os descansos. Tudo depende do tipo de atividade que fizermos.

O descanso ativo pode ser definido como um período durante o qual não se pratica o exercício habitual, mas continua-se a treinar com esforço, mesmo que seja muito menor.

Assim, se, por exemplo, durante a semana, fizermos musculação ou crossfit, um descanso ativo seria fazer um jogging suave ou caminhar nas montanhas aos fins-de-semana. Ou combinar os treinos intensos com, por exemplo, sessões de recuperação na piscina.

Assim, vemos que um treino de cardio não se enquadraria neste conceito de descanso ativo, uma vez que a ideia seria não só praticar uma atividade física diferente da habitual, mas também que seja mais suave.

O que é que o descanso ativo nos oferece?

O descanso ativo tem benefícios tanto físicos como mentais. Em primeiro lugar, ajuda a melhorar o sistema cardiovascular porque promove a circulação sanguínea, permitindo-lhe chegar aos diferentes grupos musculares de uma forma ótima e, portanto, os músculos são oxigenados. Este processo favorece também a eliminação do lactato, uma substância cujos níveis aumentam muito durante uma atividade intensa, tornando o músculo mais ácido e contraindo-o.

Além disso, o descanso ativo não distorce o ritmo de treino como acontece com o passivo, no qual não se faz nenhuma atividade, o que é sempre pior para a recuperação muscular.

Além disso, trabalhar os músculos de uma forma diferente com uma atividade de baixa intensidade é também muito benéfico para a nossa condição física geral, porque introduzimos uma transição com os treinos exigentes.

 Quantos dias devemos fazer o descanso ativo? 

A programação do descanso ativo variará em função de muitos fatores particulares, tais como o tipo de treino que fazemos, a nossa fisiologia ou a nossa resposta à fadiga.

Neste sentido, pode ser útil aplicar um método de tentativa-erro que consiste em combinar ambos os modos de descanso e ir testando o desempenho e as sensações que tem no treino habitual.

  • Treinos com cargas muito altas

Em geral, quem treina com cargas muito altas precisará sempre de descansos passivos para recuperar os níveis de fosfagénios, que o organismo consome massivamente para obter a energia de que necessita para realizar séries intensas de forma repetitiva. Embora, com o tempo, à medida que o corpo se habitua a este tipo de treinos, pode valer a pena introduzir descansos ativos nas séries finais, para que os músculos sejam oxigenados e a sensação de fadiga reduza.

  • Treinos orientados para a hipertrofia e a potência

Nos treinos orientados para a hipertrofia ou para a tonificação estética, o descanso ativo dependerá do número de repetições realizadas. Assim, se estivermos entre seis e oito, o descanso passivo seria o ideal, enquanto se estivermos entre doze e quinze, o descanso ativo seria aconselhável.

Nos treinos de potência, para conseguir séries de qualidade, são necessárias recuperações totais, pelo que a opção passiva é essencial, a menos que se pretenda trabalhar a capacidade de repetir os esforços, caso em que os descansos ativos poderão ser introduzidos nos próprios treinos. 

  • Treinos para atletas

Os descansos ativos são muito importantes para os atletas que se preparam para uma competição, pois não podem levar o seu corpo ao limite todos os dias com treino intenso, e precisam de planear, pelo menos, dois descansos ativos por semana, onde farão outro tipo de atividades que lhes permitam manter-se em forma física e mental, trabalhando outras áreas diferentes do corpo enquanto o resto descansa e não está sobrecarregado.

O que podemos fazer nos dias de descanso ativo?

muitas atividades para fazer nos dias de descanso ativo, tais como sessões de piscina ou yoga, que, para além de treinar os grupos musculares de uma forma diferente, têm excelentes benefícios mentais.

No GO fit, pode fazer estas e muitas outras atividades ideais para o seu descanso ativo. Contacte-nos e informá-lo-emos com mais detalhes sobre todas as opções que temos!

Tags

Artigos relacionados

27 Julho, 2022 Descanso

7 min

O burnout

O que é o burnout? Nos últimos anos, temos ouvido falar de burnout ou síndrome de esgotamento profissional. Esta síndrome...

Ler mais