20 Julho, 2022

10 conselhos para seguir uma alimentação saudável quando não tem tempo para cozinhar

Um dos principais problemas com que nos deparamos quando se trata de seguir uma alimentação saudável é a falta de tempo. Mas, hoje, queremos pôr de lado este mito e oferecer-lhe dez ideias que o ajudarão a ter uma boa alimentação sem ter de passar horas na cozinha.

Parece que está tudo contra nós: o horário de trabalho, as tarefas domésticas, o tempo que queremos passar com a nossa família… No final, acabamos por petiscar e comer comida pré-cozinhada, e isso nunca é uma boa opção. Mas como identificar uma alimentação saudável?

O que é considerada uma alimentação saudável

Seguir uma alimentação saudável poderia traduzir-se no consumo de uma quantidade adequada de alimentos, seguindo uma proporção correta de nutrientes. Um bom modelo que o ajudará a alcançar esta medida é o conhecido “Prato de Harvard”, que mostra como a nossa alimentação deve ser distribuída de modo a ser equilibrada.

Uma alimentação saudável proporcionará ao nosso organismo os nutrientes necessários para a sua manutenção e regeneração. Devemos ingerir proteínas, hidratos de carbono, vitaminas, minerais e, sim, gorduras também. Tudo isto deve ser conseguido através de uma boa variedade de alimentos, dando especial atenção às frutas e aos legumes.

Não há uma alimentação geral que funcione para todos, cada pessoa tem requisitos diferentes. Mas sabemos alguns truques que podem ajudá-lo a conseguir uma alimentação equilibrada, verá que não precisa de cozinhar como um grande chefe para alcançar um estado de bem-estar.

Os 10 conselhos-chave para uma alimentação saudável

1.     Comece o dia com o melhor pequeno-almoço

De certeza que ouviu dizer que o pequeno-almoço é a refeição mais importante do dia. Comer algo antes de sair de casa vai ajudá-lo a ficar saciado e a não sentir fome ao longo do dia.

2.     Se for petiscar entre as refeições, que seja saudável

A meio da manhã e entre as refeições é quando se recorre a snacks e outros aperitivos. Escolher comer uma peça de fruta ou crudités de legumes pode ser uma grande opção para esses momentos, bem como outros snacks saudáveis para petiscar entre as refeições.

3.     Evite encher a sua despensa com alimentos pouco saudáveis

Se existe uma forma de comer melhor, é, como pode imaginar, comprar alimentos mais saudáveis. Procure ingredientes que exijam pouca preparação e sejam saudáveis, tais como os ovos, os vegetais que não exijam cozedura (cenouras, tomates, endívias…) ou legumes cozidos.

4.     Cozinhe receitas simples

Receitas simples que incluam ingredientes que são rápidos de preparar (tais como um bife grelhado ou um refogado) ou com os quais possa adiantar outras tarefas enquanto cozinha (como um peixe assado) ajudarão a tornar tudo mais fácil e possível.

5.     Não salte refeições

Sabemos que os horários de trabalho nem sempre ajudam, mas tente fazer todas as refeições do dia. Desta forma, não terá tanta fome para a refeição seguinte e não sentirá a necessidade de comer muito.

6.     Planeie o seu menu semanal

Se preparar os seus almoços e jantares para a semana, não só será mais fácil e rápido para si cozinhar, como também o notará quando for às compras. Distribua bem os principais ingredientes de uma alimentação e conseguirá um bom equilíbrio.

7.     Jogue com os horários

Se vir que a hora do almoço é a meio do dia de trabalho e não tem muito tempo, pode comer algo leve. Depois, lanche por volta das 17h alguma coisa um pouco mais substancial, mas não exagere.

8.     Aproveite a variedade da cozinha

Se há coisa que a cozinha espanhola e mediterrânica tem é uma vasta gama de ingredientes por onde escolher. Frutas e vegetais como já vimos, proteínas vegetais como leguminosas e cereais, peixe, ovos, carne branca… Inclusive pode misturar com outras gastronomias do mundo!

9.     Aproveite um momento livre para cozinhar

Se tiver o fim de semana livre, pode passar uma tarde a preparar vários pratos que possa utilizar durante o resto da semana. Só terá de os congelar e ir tirando todos os dias (daí o planeamento), e, desta forma, terá mais tempo para elaborar melhor as receitas e experimentar algumas técnicas que não consegue durante a semana.

10.     Cuidado à hora do jantar

Para terminar, vale a pena dar uma vista de olhos ao jantar. Os espanhóis jantam e vão para a cama duas ou três horas mais tarde do que o resto dos europeus, e isto pode afetar o nosso organismo. Evite os jantares pesados ou tardios.

Artigos relacionados

5 Agosto, 2022 Nutrição

6 min

Conhece a fruta noni?

Propriedades e benefícios desta fruta A fruta noni não é tão fácil de encontrar nos supermercados e hipermercados do nosso...

Ler mais